Criado em 27 Setembro 2017
O bispo de Jacarezinho, dom Antonio Braz Benevente, disse que o Santuário São Miguel Arcanjo, em Bandeirantes, está passando por um momento que define como "especial". A afirmação foi feita durante a missa campal celebrada na tarde de domingo, dia 24, no pátio da Gruta Nossa Senhora de Lourdes e São Miguel Arcanjo com os Nove Coros de Anjos. A gruta, que tem a maior cruz do Brasil, com 81 metros de altura, faz parte do conjunto de obras do santuário.
 
 

Dom Antonio acrescentou que o momento é importante não apenas para o santuário, mas para toda a Diocese de Jacarezinho. Para ele, este é um "momento histórico".
Centenas de pessoas participaram da celebração, mesmo com a temperatura elevada. Uma boa parte levou bancos e guarda-sol para se proteger do calor. Muita gente preferiu acompanhar a celebração no platô que fica acima da gruta.
No final da celebração, dom Antonio procedeu a bênção da gruta, e passou por seu interior fazendo aspersão de água nas imagens e esculturas. Logo em seguida, ele deu a bênção à cruz.
A celebração contou com a presença do reitor do santuário, padre Roberto Medeiros, e de outros sacerdotes do santuário e da diocese. A festa terminou com um grande foguetório em um terreno ao lado. Depois, quando o sol já havia se posto, as luzes da cruz foram acesas, causando um efeito visual muito bonito.
A festa dos cinco anos de dedicação do Santuário São Miguel Arcanjo prossegue nos dias 29 e 30, sexta e sábado. Na sexta-feira, estão previstas três celebrações. Logo após a celebração de cura e libertação, que começa às 20 horas, haverá um grande foguetório que poderá ser acompanhado ao lado do templo e também serão acesas as luzes da cruz. E no sábado, haverá a oração do Terço Mariano com o pregador Pedro Siqueira e logo em seguida uma missa campal na gruta com o padre Silvio Andrei.
 
 
Centenas de pessoas participaram da celebração no pátio da Gruta Nossa Senhora de Lourdes
 
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA