Criado em 17 Fevereiro 2019

Ruas e casas em Guaratuba, no litoral do Paraná, ficaram alagadas neste domingo (17) por causa da chuva que atinge a cidade desde a sexta-feira (15). A Defesa Civil emitiu um alerta de alto risco de deslizamento em todas as áreas próximas de morros no município.

Entre os pontos considerados mais críticos na tarde deste domingo estão os bairros Piçarras, Cohapar II e Carvoeiro.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, por volta das 16h deste domingo, havia 20 famílias desabrigadas e mais de 200 pessoas desalojadas.

Conforme a Defesa Civil, o alagamento que deixou famílias desalojadas. Até a última atualização desta reportagem, não havia sido informado o número de desalojados.

A Prefeitura de Guaratuba está recebendo as pessoas afetadas no Ginásio de Esportes Governador José Richa.

Segundo o Simepar, de sexta-feira até às 11h deste domingo, choveu 184,4 milímetros em Guaratuba. Isso equivale a 57,6% do previsto de chuva para o mês todo (319 milímetros).

A chuva se intensificou na noite de sábado (16), conforme a Defesa Civil.

De acordo com o morador Francisco Carvalho, de 52 anos, que mora no balneário Nereidas, conta que não conseguia sair de casa neste domingo.

"Onde eu moro está feio, tudo alagado. Na minha casa a água entrou só no quintal. Têm carros com água pela metade na rua", explica.

Na tarde deste domingo, o alagamento no Colégio 29 deixará os alunos sem aulas na segunda-feira (18), conforme a prefeitura.

 

 
Criado em 17 Fevereiro 2019

Três jovens com idades de 17 a 21 anos foram mortos a tiros e um foi baleado em um intervalo de cerca de duas horas na madrugada deste domingo (17) em Mandaguari (Noroeste). 

 

Segundo a PM (Polícia Militar), por volta da 0h15, houve uma denúncia de que havia pessoas baleadas em uma festa que ocorria na rua Domingos Pascoal Negro, na vila Vitória, em uma antiga associação de uma empresa da cidade. O dono da festa contou aos policiais que alugou o local para uma festa e, depois de certo tempo, notou uma correria nas proximidades dos banheiros, que ficam do lado de fora do salão, e havia três feridos, ainda conscientes. Foi acionado o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que constatou os óbitos de Vitor Fernando Lança, de 21 anos, e Mauricio Carlos de Lima Júnior, de 19. Um adolescente de 16 anos, ferido em um dos braços, foi socorrido ao PA (Pronto Atendimento) de Mandaguari e depois transferido para o hospital Santa Casa de Maringá (Noroeste). 

No caminho para a ocorrência, a equipe da Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) visualizou uma Honda Titan 125 de cor verde, placa de Arapongas, que fugiu de abordagem policial. Houve acompanhamento tático por diversos bairros de Mandaguari, mas os dois ocupantes conseguiram fugir após abandonar o veículo no jardim Esplanada. Possivelmente, esse veículo foi utilizado pelos suspeitos de praticar os homicídios.

 



Já por volta das 2h15, ocorreu o terceiro homicídio da madrugada na rua Miguel Garcia Gomes, no jardim Boa Vista. A testemunha, uma jovem de 19 anos, relatou que estava com o namorado, João Vitor Furtado de Souza, de 17 anos, quando viram dois indivíduos armados saindo de um corredor escuro e atirando na direção do adolescente. Souza ainda tentou fugir, mas caiu após ser baleado. O jovem não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

Os suspeitos fugiram em um veículo não identificado, e não foram encontrados. 

Os corpos foram encaminhados ao IML (Instituto Médico-Legal) de Maringá. A Polícia Civil investiga os crimes.

Três jovens são mortos a tiros em cerca de 2h

 
Criado em 01 Fevereiro 2019

Um temporal com vento e granizo atingiu o município de Figueira, no norte do Paraná, na tarde da quinta-feira (31) deixando 120 casas destelhadas. Árvores e uma torre de internet caíram, segundo a Defesa Civil.

Dois postos de saúde e uma quadra coberta também foram danificados. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Telêmaco Borba, que fica na mesma região e prestou apoio aos moradores locais, ninguém ficou ferido.

De acordo com a Copel, cerca de 3.500 unidades consumidoras chegaram a ficar sem energia elétrica.

Ainda na noite de quinta-feira a Defesa Civil distribuiu lonas para a população atingida.

 
Criado em 15 Janeiro 2019

Chuva forte atingiu os dois municípios na noite de segunda-feira (14). Na manhã desta terça-feira (15), mas de oito mil unidades consumidoras estão sem energia nas duas cidades.

A chuva forte causou diversos estragos em Maringá e Sarandi, no norte do Paraná, na noite de segunda-feira (14). Milhares de imóveis ficaram sem energia nas duas cidades após queda de árvores e postes.

De acordo com a Companhia Paranaense de Energia (Copel), em Maringá, 24 mil imóveis ficaram sem luz na noite de segunda. Na manhã desta terça-feira (15), são 2.600 domicílios desligados.

Em Sarandi, 28 mil imóveis estavam sem energia por volta da 0h. Nesta manhã, são 6 mil unidades consumidoras sem energia.

De acordo com o secretário municipal do Meio Ambiente de Sarandi, a região central foi a mais atingida. A delegacia, duas escolas, a Apae e uma creche estão sem energia.

A Copel informou que seis postes que ficam em frente a delegacia quebraram. Nas duas cidades, o número de estruturas danificadas chega a 30.

Ainda não há um balanço fechado de estragos no município. Não há registro de desabrigados.

Em Maringá, a Defesa Civil Municipal contabilizou, até as 7h, 62 árvores caídas, deste total, oito sobre casas ou portões e três sobre veículos. Há cabos de energia rompidos e postes caídos ou com problemas. Também foram distribuídas 18 lonas.

 

Velocidade ventos

A estação do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), que fica na Universidade Estadual de Maringá (UEM), registrou ventos de 60,8 km/h. A estação do Simepar, localizada no contorno sul, registrou rajadas de ventos de 43,6 km/h.

 
Criado em 15 Janeiro 2019

Nesta segunda, 14, por volta das 22 hrs.,  a PM foi acionada na Avenida Brasil onde foi relatado o roubo a um Posto de Combustível.

O noticiante informou que o autor usava uma máscara e portava uma arma do tipo pistola.

Após a ação, ele fugiu levando aproximadamente R$ 400 reais em dinheiro, sendo que uma segunda pessoa esperava em uma motocicleta na Rua Tibiriçá. 
 
 
Criado em 28 Novembro 2018

O presidente da AL (Assembleia Legislativa) do Paraná, Ademar Traiano (PSDB), confirmou nessa terça-feira (27) que os 54 deputados estaduais eleitos terão seus salários reajustados em 16,38% a partir de 2019. Com isso, eles passarão a ganhar R$ 29,4 mil - hoje, recebem R$ 25,3 mil. O valor corresponde a 75% do novo teto do funcionalismo. O impacto estimado nas contas públicas é de aproximadamente R$ 2,68 milhões por ano. O "efeito cascata" é resultado do aumento para os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), aprovado em setembro de 2018 no Senado e sancionado nesta segunda-feira (26) pelo presidente Michel Temer (MDB), na mesma proporção. No caso dos magistrados, a remuneração passará de R$ 33 mil para R$ 39 mil mensais. 

Bonde

 
Criado em 28 Novembro 2018

Doze homens fugiram da Delegacia de Wenceslau Braz, no Norte Pioneiro do Paraná. A fuga, segundo a Polícia Civil, aconteceu por volta das 13h desta terça-feira (27).

Três presos foram recapturados durante a tarde, de acordo com a polícia.

Os policiais contaram que os detentos serraram as grades do solário para fugir. Um inquérito foi instaurado para apurar o caso.

Confome a polícia, a carceragem da delegacia, projetada para 32 presos, estava com 123 homens.

As polícias Civil e Militar (PM) tentam recapturar os foragidos.

 
G1
 
Criado em 09 Novembro 2018

Uma menina de 4 anos foi abandonada pela mãe em um centro municipal de educação infantil (Cmei) no Parque das Grevíleas, em Maringá. O caso aconteceu na segunda-feira, quando a mulher, de 18 anos, levou a filha na creche e disse para a diretora que não voltaria para buscá-la.

Ela ainda sugeriu que a educadora ligasse para a avó da criança, que a abrigaria. A avó, por sua vez, entregou um bilhete à direção do Cmei, informando que não tinha condições de ficar com a neta, pois morava de favor na casa de conhecidos. Uma vizinha da avó se solidarizou, levou a criança para a casa e denunciou ao Conselho Tutelar.

 
Criado em 10 Outubro 2018

Um rapaz de 21 anos levou um tiro na barriga duranta uma tentativa de assalto a um ônibus, em Curitiba, na noite de terça-feira (9).

O ônibus do transporte coletivo fazia a linha Curitiba-Jardim Ipê e estava na BR-277, no Uberaba, quando foi alvo de dois ladrões.

De acordo com o cobrador, os assaltantes tentaram roubar os celulares dos passageiros. Na parada do ônibus, a porta não abriu, então, os crimososos atiraram contra o jovem que, segundo o cobrador, não reagiu.

A vítima foi levada para um hospital da cidade em estado grave. Os ladrões fugiram a pé. Eles não levaram nada.

Até o momento, ninguém foi preso.

 
Criado em 08 Outubro 2018

No fim de setembro, mais de 60 alunos e funcionários foram diagnosticados com a doença; escola precisou ser interditada.

Após um surto de sarna que atingiu mais de 60 alunos e funcionários, o Centro Municipal de Educação Infantil Girassol, em Terra Roxa, no oeste do Paraná, retomou as aulas nesta segunda-feira (8).

A escola precisou ser interditada por uma semana a partir do fim de setembro, quando o surto foi confirmado e o local precisou passar por uma dedetização geral.

Uma equipe de médicos e enfermeiros está avaliando os 240 alunos para saber se todos têm condições de voltar às aulas.

Na cidade, 193 pessoas tiveram sarna no mesmo período. Destas, 116 são crianças. Ao todo, três escolas e três centros de educação infantil tiveram alunos e funcionários contaminados.

 

Pagina 1 de 5

<< Iniciar < Ant 1 2 3 4 5 Próx > Fim >>